Categoria

Consumo Consciente

Categoria

O Food Sustainability Index (Índex de Sustentabilidade Alimentar, em tradução livre) colocou o Brasil na vigésima posição no ranking geral que avalia a sustentabilidade dos sistemas alimentares dos países. Vinte e cinco nações participaram da pesquisa e, para definir a posição de cada uma, foram avaliados 58 indicadores, divididos em três grandes temas: agricultura sustentável, desafios nutricionais e desperdício de alimentos. Para avaliar se a agricultura do país é sustentável, foram analisados critérios como gerenciamento de água e políticas de bem-estar animal. Com relação aos desafios nutricionais, foram considerados itens como expectativa de vida, nível de atividade física da população, prevalência do açúcar na dieta e poder de compra de comida natural. O desperdício de alimentos foi avaliado levando em consideração aspectos como políticas públicas, soluções para perdas na cadeia produtiva e perdas de alimento pelo consumidor final. Leia mais: Você conhece a geladeira solidária? O top 3 da lista é…

Ah, os bebês! Essas pessoinhas adoráveis que encantam a todos com suas carinhas e expressões fofas! Ter um bebê em casa é sinônimo de alegria e amor, mas também de horas perdidas de sono, olheiras e gastos, muitos gastos! Comprar roupinhas para bebês, por exemplo, é um grande desafio, pois, se você compra um tamanho pequeno, a criança logo perde a peça, se compra um tamanho grande, terá que esperar o bebê crescer para vesti-la e provavelmente, a roupinha também será pouco utilizada. Leia mais: Bicicleta se transforma em carrinho de bebê Além de toda essa frustração e expectativa que é criada, existe ainda uma questão sustentável que, muitas vezes, devido à emoção do momento, é deixada de lado. O fato é que a quantidade de roupas de bebês que é descartada ou doada mesmo tendo sido utilizada pouquíssimas vezes é muito grande! Com isso, muitos materiais e recursos naturais…

Ano novo, material escolar novo. Mas, será mesmo necessário comprar tudo novo? Quem tem filho em idade escolar sempre toma um grande susto ao receber a lista com os materiais solicitados para mais um ano letivo. Porém, este susto pode se transformar em apenas um leve arrepio se a escola e os pais se unirem para incentivar a reutilização de materiais. Conversar sobre sustentabilidade com as crianças é fundamental, mas inserir práticas sustentáveis no dia a dia dos pequenos é necessário para que eles entendam como tudo funciona na prática. Tornar a volta às aulas mais sustentável é um passo importante para ensinar às crianças noções de consumo consciente e reuso de materiais, por exemplo. Leia mais: Upcycle presente em atividades escolares Listamos os 10 mandamentos para ajudar a tornar o retorno às atividades escolares mais verde. Mostre nossa listinha ao seu filho e converse com ele a respeito! ;)…

Você sabia que, segundo a ONU, estima-se que um terço dos alimentos produzidos no mundo vai parar no lixo? Isto corresponde a aproximadamente 1,3 bilhão de toneladas por ano. Para se ter uma ideia, com apenas um quarto deste total seria possível alimentar 842 milhões de pessoas que passam fome. Esses números são assustadores e nos fazem repensar a importância do consumo responsável. Em nosso dia a dia, passamos por várias situações de desperdício. Sabe quando você vai a um restaurante e pede aquele supercombo bastante farto? Geralmente sobra comida, não é mesmo? O que você faz? Pede para o garçom para colocar em uma quentinha e leva para casa para comer depois ou simplesmente pede a conta, paga e vai embora deixando que o restaurante jogue as sobras fora? Na Índia, a dona de um restaurante local ficava incomodada com a quantidade de alimentos que eram desperdiçados todos os…

Quem é adepto à alimentação saudável, principalmente baseada em orgânicos, ou prefere adquirir produtos provenientes da economia solidária costuma ter dificuldades para encontrar lugares que comercializem esses produtos. Ao fazer uma viagem, a dificuldade aumenta ainda mais, pois, por não conhecerem a região, muitas pessoas ficam sem saber por onde começar a procura por estes tipos de alimentos e produtos. Leia mais: 5 perguntas e respostas sobre alimentos orgânicos Pensando em uma forma de facilitar esta busca em diferentes regiões do país e ainda integrar pessoas interessadas em economia solidária, o Instituto Kairós e a Cooperativa EITA desenvolveram um aplicativo gratuito que localiza produtos e serviços ligados ao consumo responsável. Batizado de Responsa, a plataforma utiliza o GPS do celular para indicar os locais, iniciativas e grupos mais próximos a você que adotam e incentivam práticas de responsabilidade na produção e no consumo. O Responda localiza, em um só mapa, restaurantes…

Dizer que as crianças são o futuro do nosso planeta, apesar de clichê, é uma grande verdade. Portanto, é indispensável conscientizá-las de que as atitudes que tomamos hoje irão determinar como viveremos daqui a alguns anos. Infelizmente, poucas escolas abordam temas ligados à sustentabilidade em sua grade de horário, sendo assim, cabe aos responsáveis abordarem o assunto no dia a dia de forma leve e lúdica. As crianças, mesmo as mais novinhas, possuem grande potencial de aprendizado e inserir atitudes sustentáveis em sua rotina contribuirá para que se tornem adultos mais conscientes e responsáveis. Uma boa dica é ensiná-las de forma divertida, então, que tal criar uma gincana envolvendo toda a família e premiar quem economizar mais água e energia durante o mês? Confira abaixo o passo a passo! – Gincana da Sustentabilidade: Objetivo: Vence a gincana quem somar MENOS pontos. Periodicidade: Fica a critério de cada um. Sugestão: Mensal.…

Plantar os alimentos que serão consumidos em sua própria casa é o sonho de muitas pessoas adeptas a uma vida mais saudável. Porém, devido a vários problemas, como espaço para plantio, quem mora em áreas urbanas costuma frequentar supermercados para comprar os alimentos que irá consumir. Até aí, nenhuma novidade, mas, e se você pudesse colher o alimento direto do pé dentro do supermercado em que você faz as suas compras? Na Alemanha, isto já é possível! Em Berlim, uma das maiores redes de supermercados da Europa instalou uma unidade agrícola compacta em uma de suas lojas. A microfazenda permite aos clientes retirar hortaliças fresquinhas direto do pé. Devido ao seu formato vertical, é capaz de produzir mais alimentos por metro quadrado do que uma estufa comum, pelo menos é o que garante a start up InFarm, responsável pelo projeto. Os criadores asseguram ainda que é possível cultivar outras culturas,…

Sabe aquela furadeira que você tem em casa? Quantas vezes você já precisou utilizá-la? Poucas, não é mesmo? Mas isso não acontece só com você. Provavelmente, você tem um vizinho que utilizou algum objeto pouquíssimas vezes. Então fica a pergunta: e se você emprestasse a furadeira para este vizinho em troca deste objeto? Este é o conceito do Consumo Colaborativo, em que existe a troca, compra ou empréstimo de objetos usados, evitando a compra de um novo. Desta forma, o objeto é utilizado mais vezes, conservando a energia e a matéria-prima que seriam usadas na fabricação de um novo produto. Atitude mais que sustentável! O conceito ganhou força em 2008, nos EUA, quando o país enfrentava uma grande crise econômica. A ideia era simples: por que comprar um produto novo se o mesmo seria utilizado apenas uma vez? E mais: por que deixar determinados objetos em desuso se tantas pessoas…

Na última quinta-feira, 07 de abril, foi realizado o evento de lançamento do Programa de Eficiência Energética do Sindicato da Indústria de Instalações Elétricas, Gás, Hidráulicas e Sanitárias do Rio de Janeiro – SINDISTAL, em parceria com o Secovi Rio. O programa tem como objetivo ajudar os condomínios a encontrarem soluções energéticas eficazes que priorizem a economia e a diminuição do impacto ambiental. Durante o Fórum, realizado no auditório do Secovi Rio, o Coordenador do Núcleo de Eficiência Energética do SINDISTAL, Oldemar Boechat de Moura, explicou como funcionará o programa e esclareceu as dúvidas dos síndicos presentes. “O programa tem um caráter diferenciado no compromisso e na responsabilidade de realmente fazer um estudo de adequação econômica frente ao investimento a ser feito. Trata-se de uma solução customizada de acordo com o levantamento feito em cada unidade” explicou Oldemar. Segundo Moura, os síndicos terão o embasamento necessário para decidir sobre o…

Em nosso post sobre o Dia da Mentira, mostramos que ter um condomínio sustentável não é caro. Os benefícios que a sustentabilidade traz para os condomínios são bons para a natureza e para todos os moradores. Um dos grandes desafios dos edifícios é a questão da eficiência energética e, se existe uma grande verdade quando falamos em energia, é que devemos economizá-la! Um dos grandes vilões de consumo em condomínios é o elevador, por isso, é importante entender porque ele gasta tanta energia e o que podemos fazer para diminuir o consumo. Listamos abaixo algumas questões importantes quando o assunto é economia de energia nos elevadores.  Por exemplo, será que ao chamar o elevador várias vezes seguidas gastamos mais energia? E se mantivermos a porta aberta por muito tempo, o consumo será maior? Confira abaixo a resposta para estas e outras questões! Já existem no mercado elevadores que não só…