Categoria

Arquitetura

Categoria

Além de valorizar a iluminação e a ventilação natural, o projeto do Bloco Arquitetos conta com energia exclusivamente solar, mão de obra e matéria-prima locais Construída em um dos biomas mais importantes do mundo, esta casa de 400 m² em Brasília foi inteiramente pensada por um viés sustentável. O casal de moradoras já frequentava a Chapada dos Veadeiros há anos e, quando adquiriram o terreno, tinham o intuito de usufruir do contato com a natureza, sem agredir o Cerrado. O projeto e o método construtivo desenhado pelo escritório Bloco Arquitetos Associados não deixou a desejar neste quesito. Redes e poltronas permitem o relaxamento com vista para o Cerrado (Foto: Joana França / Divulgação) Simples e funcional, o projeto conta apenas com duas suítes e uma grande área social com vista para a serra e para a mata. Todos os ambientes da casa têm iluminação e ventilação naturais. “Para propiciar a…

Quando o assunto é obra ou reforma, a cabeça logo imagina entulho, quebradeira e dor de cabeça, mas será que isso ainda é regra ou exceção? O mundo está em constante mudança e a construção civil não fica para trás. Com o desenvolvimento da tecnologia e a tendência em alta do conceito de construção sustentável, novas formas de construir têm ganhado cada vez mais espaço no segmento, oferecendo um leque de opções com soluções inovadoras para quem vai construir ou reformar. Abaixo, listaremos quatro produtos indispensáveis para uma construção limpa, econômica e sustentável. DrywallSem dúvidas, o mais buscado e, consequentemente, mais utilizado é o drywall. Trata-se de uma tecnologia construtiva composta por estruturas de aço e placas de gesso acartonado que pode ser usado como paredes internas, tetos e revestimento. Além disso, por ser um material industrializado, não demanda o uso de materiais tradicionais para construção, como cimento, argamassa e…

A demanda vem de todos os lados. Investidores, sociedade civil e compradores estão mais atentos às políticas de sustentabilidade que guiam empreendimentos comerciais e residenciais. E a motivação, para além da responsabilidade em preservar e administrar melhor os recursos naturais, é também bastante pragmática: sustentabilidade é um bom negócio do ponto de vista econômico. Um levantamento de custos da construção civil, realizado pelo U.S. Green Building Council, informa que projetos verdes (aqueles certificados pela instituição) emitem 33% menos carbono, exigem 45% menos gasto de energia elétrica e usam 54% menos água no dia a dia em comparação com a média norte-americana. Mas quando se observa economia e bem-estar, os números reforçam a aposta na construção sustentável. O mesmo levantamento indica que o custo de manutenção é 13% mais barato e que o índice de satisfação do morador é 27% superior à média do país. Projetos sustentáveis no BrasilO Brasil é…

Praticidade e economia: aprenda o passo a passo para revitalizar e usar a estrutura de contêiner em construções comerciais ou residenciais Soluções sustentáveis estão em alta nos projetos de arquitetura. Uma das que se destacam é o uso de contêineres em construções comerciais e até mesmo residenciais. A evolução na aplicação dessa estrutura é muito interessante, pois era utilizada, inicialmente, apenas para o transporte e armazenamento de cargas e se tornou um método construtivo. Como a construção em alvenaria exige muito tempo e diversos recursos, essa alternativa é uma solução mais econômica, com uma redução no período de obra de até 50%, além de preservar o meio ambiente. Usados para o transporte dos mais variados tipos de carga, que vão desde alimentação até insumos para a indústria, a vida útil de um contêiner marítimo é de 10 anos, de acordo com a legislação internacional para transporte. No entanto, são estruturas…

Você é uma pessoa que pensa em sustentabilidade? Então pare e reflita: ser sustentável é muito mais do que descartar o lixo corretamente ou mesmo evitar de colocar as compras em sacolinhas plásticas. Uma pessoa que pensa e vive de maneira mais sustentável, ao construir uma casa, por exemplo, irá pesquisar e planejar quais e com que finalidade determinados tipos de produtos sustentáveis podem ser utilizados, incluindo objetos de decoração e as chamadas paredes verdes, que continuam em alta neste ano. Aliás, segundo estudo da Nielsen, o consumo sustentável é fator decisivo de compra para 32% dos brasileiros, o que mostra, cada vez mais, que a preocupação com a sustentabilidade tem aumentado. O comportamento do brasileiro se estende também à decoração, com aumento da busca por materiais que não geram impactos negativos ao meio ambiente. As novas gerações optam pela “pegada ecológica” e isso se reflete nos projetos interiores, com…

O Brasil tem se destacado no mercado da construção civil sustentável segundo o ranking mundial de construções verdes da Leadership in Energy and Environmental Design (Leed), certificado dado pelo United States Green Building Council. O levantamento considera espaços que priorizam a economia de energia e água e a redução na emissão de carbono. O País está atrás dos Estados Unidos, primeiro no ranking, seguido de China, Canadá e Índia, mas encontra-se à frente de países como Coreia do Sul, Turquia, Alemanha, México e Espanha. A expectativa é que esse ano de 2019 feche com um crescimento de 40% em comparação com 2018. Um dos principais pontos de crescimento na construção civil sustentável é o uso da energia solar, que tem se expandido entre empresas e casas do País. Levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, ligado ao Ministério da Economia, mostra que em dois anos as instalações de painéis solares…

A Federação Internacional Imobiliária (Fiabci) vai realizar o Seminário Internacional de Urbanismo, Habitação Coletiva e Sustentabilidade nesta quinta-feira, 6 de dezembro, das 9h ás 17h, no Museu de Arte do Rio. O evento contará com a presença do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, do presidente do Sinduscon Rio, João Fernandes, do presidente da Fiabci Rio, Frederico Grechi, do presidente da Ademi/RJ, Claudio Hermolin, e do presidente da Fiabci Brasil, Rodrigo Luna. Na programação, palestras sobre projetos de sustentabilidade para a cidade do Rio de Janeiro: Verena Andreatta, da secretaria de Urbanismo, vai falar sobre o planejamento urbanístico da Prefeitura do Rio; Josep Maria Montaner, secretário de Habitação de Barcelona, vai abordar o tema “Habitação e Planejamento no séc. XXI”; Zaida Muxi, diretora de Urbanismo na Espanha, vai falar sobre os planos de habitação da Prefeitura de Santa Coloma de Gramanet; e o arquiteto Pedro Évora vai apresentar os projetos…

Iluminada, arejada e cercada pela natureza, a Cedar Lane House foi construída para proporcionar a atmosfera perfeita para quem busca tranquilidade. Localizada na base de uma montanha em Meroo Meadow, na costa sul da Austrália, a casa privilegia a entrada de luz natural e a ventilação cruzada. Com 280 metros quadrados, a casa linear é ancorada por uma parede de tijolos reciclados que percorre toda a extensão da residência, proporcionando calor e suavidade ao seu interior. Projetada por Edward Birch, arquiteto e fotógrafo de Sydney, a Cedar Lane House está organizada em três espaços semelhantes a pavilhões ligados por um corredor central. Os enormes vidros que vão do teto ao chão celebram a integração do ambiente interno com o externo e proporcionam um visual incrível das paisagens que rodeiam a casa. A decoração minimalista foi pensada para manter o foco no exterior e inclui uma parede de tijolos reciclados, pigmentada…

Enquanto muitos prédios modernos em Cingapura se rebelam contra o clima tropical do país com espaços herméticos e climatizados, o escritório de arquitetura internacional Guz Architects decidiu abraçar o ambiente natural em seu projeto da Willow House. A casa assume uma aparência vívida com espaços abertos e bem ventilados, que utilizam princípios de design passivos e ventilação cruzada para resfriamento. Envolta em trepadeiras e organizada em torno de lagoas e jardins, a casa parece uma extensão de seu ambiente exuberante. Abrangendo quase 900 metros quadrados, a Casa Willow foi concluída em 2012 para um jovem casal com três filhos pequenos. “A casa teve como objetivo criar espaços dinâmicos que incentivam o brincar e a interação”, disseram os arquitetos. Rodeada por árvores altas, a casa está localizada em um oásis de tranquilidade que parece um mundo à parte do ambiente urbano denso pelo qual Cingapura é famosa. Leia mais: Casa autossustentável produz…

O renomado arquiteto Arthur Casas uniu-se a uma startup para criar a SysHaus: um modelo sustentável de casa modular altamente flexível, que pode ser montada em menos de um mês. O modelo de 200 metros quadrados esteve recentemente em exposição na edição de São Paulo da Casacor. A casa modular foi lançada por uma startup de engenharia e construção, que tem como objetivo criar residências atraentes e ecológicas, que podem ser construídas rapidamente e compradas com relativa facilidade. As peças são desenvolvidas exclusivamente com base nas necessidades e especificações de cada projeto, de modo extremamente eficiente e funcional. Não há entulho, não há perdas. Os resíduos e desperdícios tendem a zero, e o tempo gasto com a obra é mínimo. A construção pode ser completada em até seis meses, da concepção à entrega das chaves. “A casa SysHaus traz um novo conceito para a vida contemporânea, onde eficiência, praticidade e…