Categoria

Construções Sustentáveis

Categoria

Após promover a conscientização para incentivar a sociedade para descartar embalagens de cosméticos corretamente em prol do meio ambiente, o Boticário anunciou a entrega espaços sustentáveis em escolas públicas por todo Brasil. A partir deste mês, as instituições de ensino receberão estruturas feitas com o retorno de resíduos de qualquer marca para o Boti Recicla – maior programa de reciclagem do país em pontos de coleta. Com o objetivo de transformar o futuro do planeta e da educação, a marca selecionou escolas após uma pesquisa feita pela área de impacto social do Grupo Boticário em que foi possível identificar junto às instituições quais são as carências de equipamentos nas escolas públicas. Com isso, serão entregues espaços com aproximadamente 30 m² e compostos por 2 toneladas de plástico reciclado. Além disso, o Boti também trará mobília interna feitas com materiais ecológicos e prontos para o uso. A iniciativa atenderá escolas em cidades de todas as…

O Banco Santander anunciou, no mês de agosto, a criação de linhas de crédito pré-aprovadas exclusivas para incentivar condomínios residenciais e comerciais de todo o país a investirem em soluções ecológicas para seus empreendimentos. Segundo o banco, o objetivo do “Giro Sustentável PJ” é viabilizar projetos que resultem em retorno ambiental, aumento de eficiência e redução de custos operacionais, como, por exemplo, a instalação de postos de recarga para carros elétricos, de estruturas de reciclagem ou de sistemas de reutilização de água e irrigação por gotejamento. “São muitas as possiblidades, desde a melhoria da infraestrutura de acessibilidade para cadeirantes e deficientes visuais até a aquisição de uma frota de bicicletas elétricas para uso dos moradores”, afirmou o diretor de Negócios e Empresas do Santander, Franco Fasoli, em comunicado. Além disso, síndicos e administradoras condominiais também poderão contar com outra linha de crédito específica para a geração de energia solar, através…

Novos produtos e práticas para redução de resíduos possibilitam que os trabalhos sejam feitos de maneira mais rápida, econômica e com menor impacto ambiental O mercado de construção civil tem ganhado cada vez mais opções de itens que possibilitam a redução de impactos ambientais, uma das maiores preocupações do setor. Além da importância para a preservação da natureza e melhora na qualidade de vida da população, o uso adequado de tijolos, blocos e telhas reduz o tempo de obra e o desperdício de materiais, repercutindo de forma positiva no bolso das empresas e dos clientes. Em entrevista concedida ao canal de Instagram da Feicon, a maior feira da construção civil da América Latina, com o tema “Como tornar sua obra mais sustentável”, a PHD em Engenharia Civil e professora da Universidade Federal Fluminense, Iza Valadão, chamou a atenção para a necessidade de maior conscientização no uso dos produtos como passo…

A pandemia trouxe uma série de mudanças que transformaram diversas áreas de nossas vidas, incluindo a relação que temos com o local onde vivemos. No caso dos condomínios, regras e tendências surgiram para evitar a propagação do vírus, garantir uma convivência harmoniosa entre os moradores, que agora passam mais tempo dentro de casa, e atender às novas demandas causadas pelo isolamento. Parte das atividades que antes eram praticadas fora de casa, como trabalho e academia, por exemplo, passaram a ganhar cada vez mais espaço nos lares desde o início do isolamento. Além disso, a busca por reconexão com a natureza e por espaços para relaxar também se tornaram grandes atrativos ao longo do último ano. “As transformações são constantes e algumas condições, como a pandemia, por exemplo, aceleram estes processos”, explica o engenheiro civil e CEO da gestora de imóveis Vila 11, Ricardo Laham. Como consequência destas mudanças, os condomínios…

Pensando na sustentabilidade, um prédio foi construído com 40 contêineres no Centro de Itabuna, cidade no sul da Bahia. A construção foi feita em 6 meses, sem gasto de água, e a quantidade de entulhos gerados durante a obra foi bem menor em relação a uma construção tradicional. O imóvel tem cinco andares e 2 mil metros quadrados. A obra deixou de usar 6 milhões de metros cúbicos de água. Por conta da estrutura pronta dos contêineres, o prédio todo foi construído rápido e inaugurado em novembro, na Avenida Firmino Alves. Foi o primeiro projeto 100% sustentável que o arquiteto Matheus Esquivel, morador de Itabuna, participou. “Vinte anos de profissão e nunca tinha passado por uma experiência dessa. Foi fantástica, saber que a gente pode construir sem poluir, sem degradar o meio ambiente. Essa obra gerou menos de 10% de resíduos, de descartes de material. Todo material de obra hoje…

Com consumidores mais exigentes, construtoras buscam tecnologias e materiais com menor impacto ambiental e maior eficiência Você saberia identificar se o seu condomínio é sustentável? Seja para quem está em busca do lar ideal ou já mora em algum condomínio, a preocupação com os impactos ambientais e a eficiência energética do local onde vivemos é cada vez maior. De olho nesse futuro mais sustentável, econômico e eficiente, e em consumidores cada vez mais exigentes, o mercado imobiliário vem agregando novos conceitos e materiais às construções de prédios e residências. Para esse segmento, o objetivo da sustentabilidade é minimizar os impactos ambientais, com uma boa gestão de insumos e resíduos, e a busca por materiais e tecnologias que garantam conforto e economia para os moradores atuais e futuros. Mas se você está se perguntando como responder essa questão, preste atenção a algumas pistas que indicam o quanto o seu residencial se…

Consolidado nos Estados Unidos, o movimento arquitetônico Tiny House defende a moradia em casas pequenas de no máximo 40 metros quadrados (m²). De acordo com a arquiteta e urbanista Gabriela Mendes, proprietária do Gabriela Mendes Arquitetura, o modelo utiliza soluções sustentáveis e criativas para garantir que a residência de tamanho pequeno tenha todas as funcionalidades e conforto de um lar. Além de ter arquitetura singular, esse movimento imprime um estilo de vida baseado na simplicidade e minimalismo. A atividade já se espalhou por Canadá, Austrália, Nova Zelândia e toda Europa. Chegou também ao Brasil: além de um condomínio que ensaiou uma construção do tipo em 2018, existem famílias que vivem em uma dessas moradias sobre rodas pelo País a fora. Principais características“A primeira e óbvia qualidade é a sua dimensão reduzida. Devido a esse fator, em todas elas você encontrará muita criatividade, pois aqui os móveis e marcenaria ganham função…

A proposta do governo chinês é criar um ambiente totalmente “verde” e de fácil isolamento para situações de epidemia Após ser o primeiro país a enfrentar a epidemia (que viraria pandemia) do novo coronavírus, a China tem planos para estar mais bem preparada caso um novo vírus surja. O governo chinês anunciou que planeja construir uma cidade inteligente de 5 milhões de habitantes totalmente sustentável e “antipandemias”. Localizada a poucos quilômetros de Pequim, a cidade tem como objetivo ser um modelo de sustentabilidade. Os planos iniciais mostram um ambiente formado por pátios com plantas e grandes jardins; apartamentos projetados para pessoas de diferentes classes sociais e de diferentes idades, com varandas para jardinagem; e fazendas verticais ao lado dos edifícios. Os prédios, inclusive, serão de madeira para usar menos energia do que os edifícios comuns – o que representa uma economia de até 80%, aponta a Fast Company. Nas ruas,…

Quando o assunto é obra ou reforma, a cabeça logo imagina entulho, quebradeira e dor de cabeça, mas será que isso ainda é regra ou exceção? O mundo está em constante mudança e a construção civil não fica para trás. Com o desenvolvimento da tecnologia e a tendência em alta do conceito de construção sustentável, novas formas de construir têm ganhado cada vez mais espaço no segmento, oferecendo um leque de opções com soluções inovadoras para quem vai construir ou reformar. Abaixo, listaremos quatro produtos indispensáveis para uma construção limpa, econômica e sustentável. DrywallSem dúvidas, o mais buscado e, consequentemente, mais utilizado é o drywall. Trata-se de uma tecnologia construtiva composta por estruturas de aço e placas de gesso acartonado que pode ser usado como paredes internas, tetos e revestimento. Além disso, por ser um material industrializado, não demanda o uso de materiais tradicionais para construção, como cimento, argamassa e…

A demanda vem de todos os lados. Investidores, sociedade civil e compradores estão mais atentos às políticas de sustentabilidade que guiam empreendimentos comerciais e residenciais. E a motivação, para além da responsabilidade em preservar e administrar melhor os recursos naturais, é também bastante pragmática: sustentabilidade é um bom negócio do ponto de vista econômico. Um levantamento de custos da construção civil, realizado pelo U.S. Green Building Council, informa que projetos verdes (aqueles certificados pela instituição) emitem 33% menos carbono, exigem 45% menos gasto de energia elétrica e usam 54% menos água no dia a dia em comparação com a média norte-americana. Mas quando se observa economia e bem-estar, os números reforçam a aposta na construção sustentável. O mesmo levantamento indica que o custo de manutenção é 13% mais barato e que o índice de satisfação do morador é 27% superior à média do país. Projetos sustentáveis no BrasilO Brasil é…