Categoria

Construções Sustentáveis

Categoria

A Zona Portuária do Rio de Janeiro recebeu diversos investimentos nos últimos anos. Com a revitalização, a região vem deixando de lado o status de abandonada e esquecida, e, com isso, moradores e turistas estão redescobrindo esse cantinho da cidade. Com novas áreas de lazer e opções de transporte à disposição, empreendimentos comerciais foram construídos, a maioria deles pautada por conceitos sustentáveis. É o caso do Edifício Novocais do Porto, que, devido aos seus diferenciais sustentáveis, acaba de conquistar o selo LEED Gold, concedido pelo Green Building Council Brasil (GBC Brasil). Com projeto arquitetônico assinado pelos escritórios Raiar Engenharia e Köningsberger Vannucchi, o edifício, de padrão Triple A, priorizou a eficiência no uso de recursos, com foco na redução dos impactos socioambientais. Ao avistá-lo de longe, já é possível ver sua fachada com vidros de alto desempenho, projetados para aprimorar o isolamento térmico e acústico do prédio. O pé-direito triplo…

Você provavelmente já ouviu aquela expressão “quero casa, comida e roupa lavada”. Pois você sabia que estudantes da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, projetaram uma casa autossustentável que pode até não lavar a roupa, mas oferece aos habitantes moradia, alimentos orgânicos, energia e vários outros diferenciais sustentáveis? A Casa reACT foi projetada para atender ao pedido de um casal de Denver, Colorado, que também é membro da tribo indígena nanticoke. Sabemos que muitos integrantes de tribos indígenas, quando buscam novos locais para morar, têm o hábito de manter laços com seus costumes e práticas tradicionais. E foi pensando nesse conceito que surgiu a ideia do modelo de casa autossustentável. Construída como um “kit de peças” modular, a Casa reACT pode ser adaptada em diversas disposições e é capaz de atender a vários perfis de proprietários. A casa apresenta um pátio central com telhado de vidro ajustável e painéis solares…

A nova versão da Certificação GBC Brasil Casa privilegia ações de educação e a legalidade da obra Criada em 2014 pelo Green Building Council Brasil (GBC Brasil), a Certificação GBC Brasil Casa ganhou este ano uma atualização e oferece aos interessados em certificações sustentáveis duas versões: uma para residências unifamiliares e outra para condomínios, sejam conjuntos de casas ou edifícios. A certificação fornece as ferramentas, a metodologia e o conhecimento necessário para projetar, construir e operar residências e condomínios com alto desempenho econômico, social e ambiental no setor residencial. A pontuação para que se atinja a certificação foi definida com base no alinhamento aos temas prioritários para o Brasil e para o setor residencial. A ponderação para atendimento dos créditos distribuídos entre as categorias implantação, uso eficiente da água, energia e atmosfera, materiais e recursos, qualidade do ambiente interno, requisitos sociais, inovação e projeto e créditos regionais segue a seguinte…

Uma das grandes preocupações de diversas empresas em todo o mundo é oferecer um ambiente de trabalho que estimule o aumento da produtividade e do bem-estar dos funcionários. Estudos do Green Building Council (GBC) comprovam que investir em pequenas atitudes como a adequação da iluminação e a melhora da qualidade do ar interna podem aumentar a produtividade dos colaboradores de 8% a 11%. A Certificação Internacional WELL surgiu justamente para avaliar questões ligadas à saúde e ao bem-estar dos moradores, usuários e visitantes de construções verdes. E, por falar nisso, uma empresa de software localizada em Teresópolis, na região serrana do Estado do Rio de Janeiro, construiu um prédio verde tomando como base vários conceitos ligados à sustentabilidade. Além de contribuir com a preservação do meio ambiente, a empresa tem investido bastante em ações que aumentam a qualidade de vida dos funcionários. Conhecida como a capital nacional do montanhismo, Teresópolis…

Ao construir uma casa sustentável, várias premissas ecoeficientes são colocadas em prática. A casa MeMo, porém, foi além desses conceitos e destaca-se também pelo seu lindo projeto de paisagismo. Localizada na região de San Isidro, zona norte da província de Buenos Aires, na Argentina, ela foi concebida para atender aos desejos de sua proprietária. Apaixonada por paisagismo e muito preocupada com a preservação do meio ambiente, ela comprou um terreno e contratou o escritório BAM! Arquitectura para, juntos, criarem a casa dos seus sonhos. Para atender às suas necessidades, a casa precisava mesclar um ambiente propício ao trabalho e ao convívio familiar, isto porque a proprietária é uma mulher que vive sozinha, mas recebe amigos e clientes, bem como a visita de seus filhos que moram no exterior. Para Gonzalo Bardach, um dos sócios da BAM! Arquitectura, o projeto levou em conta não só a morfologia da região e as…

A maioria dos escritórios tradicionais ainda não conseguiu incorporar o verde em sua decoração. Geralmente, os ambientes possuem fachada selada – o que dificulta a circulação do ar interno –, pouca iluminação natural e nenhuma planta de verdade (as artificiais não valem). O que é uma pena, pois, segundo um estudo da Universidade de Queensland, na Austrália, escritórios decorados com plantas podem aumentar a produtividade dos funcionários em até 15%! Agora, imagina que bacana trabalhar em um local bonito, arejado e rodeado por verde! Capital do Vietnã, a cidade de Hanói sofreu bastante com uma crise imobiliária deflagrada em 2010. Desde então, muitas casas foram abandonadas, o que deixou várias vilas com a aparência daquelas “cidades fantasmas” dos filmes. No entanto, uma empresa de design e consultoria chamada Mein Garten encontrou nessa situação uma oportunidade de transformar o ambiente de trabalho de seus funcionários em um local mais agradável e…

Olhos lacrimejados, sensação de cansaço, dor de cabeça, absenteísmo e desânimo são apenas alguns dos efeitos que podem ser ocasionados pelas características dos projetos e materiais escolhidos para constituir ambientes de escritório. Nesse sentido, um número cada vez maior de empresas tem criado seus próprios requisitos para garantir um padrão de saúde, bem-estar e qualidade dos seus escritórios, a fim de aumentar a retenção, o conforto e a produtividade de seus colaboradores. Samsung, Google, Apple, Facebook, Loreal e Goldman Sachs são apenas alguns dos exemplos de empresas que criaram diretrizes para garantir espaços inovadores, onde os colaboradores estão em primeiro lugar. Dentre os conceitos aplicados, destacam-se a biofilia, a restrição de componentes químicos e a qualidade lumínica, térmica, acústica e do ar. Fala-me quem tu és que eu direi se te especifico Alinhada aos conceitos de transparência e da certificação Cradle to Cradle adotada como referência para a análise de…

O maior evento da construção verde da América Latina está atento às questões ligadas à energia renovável. Por isso, o Green Building Council Brasil (GBC Brasil) está comprando 130 RECs (Certificados de Energia Renovável ou Renewable Energy Certificates) de energia solar, que serão a fonte de abastecimento de energia para toda a 8ª Greenbuilding Brasil – Conferência Internacional e Expo. Um REC é a prova de que 1MWh (um megawatt-hora) foi injetado no sistema a partir de uma fonte de geração de energia renovável. De modo geral, a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) incentiva o desenvolvimento de mercados baseados em energia renovável, estimulando os projetos a comprarem RECs com certificação do programa do Green-e. Este programa rastreia a geração e aquisição de energia renovável no Brasil e certifica a compra. A feira vai contar ainda com um lounge de Net Zero Energy, que será abastecido por uma…

Um dos condomínios corporativos mais emblemáticos da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, o Le Monde Office é um ótimo exemplo de que ações de sustentabilidade são viáveis e transformadoras não somente para os condôminos, mas para a comunidade em geral. Há três anos, o empreendimento iniciou o projeto Le Monde Sustentável, idealizado e implementado pela administradora e desenvolvedora de projetos imobiliários HFlex, responsável pela gestão do Le Monde Office. O intuito foi reduzir a geração de resíduos pelos condôminos e, ao mesmo tempo, possibilitar a arrecadação de recursos para serem destinados a projetos sociais. Para isso, o especialista em sustentabilidade ambiental Rui Signore desenvolveu uma horta comunitária para ser cultivada entre os condôminos, além de incluir na rotina dos edifícios a coleta de lixo seco (papel, vidro e plástico) e de resíduos orgânicos (que, após processo de compostagem, viram adubo para a horta). O programa foi baseado em…

A 8ª edição do Greenbuilding Brasil – Conferência Internacional e Expo, o principal evento de construções verdes da América Latina, trará especialistas para falar sobre a Certificação Internacional WELL, que avalia questões como qualidade do ar, água, nutrição, luz, conforto, fitness e mente para garantir o conforto dos usuários. Estudos do Green Building Council (GBC) mostram que as pessoas passam 90% do seu tempo em ambientes internos (residência, trabalho, escola etc.) e que melhorias no ambiente, tais como adequação da iluminação, qualidade do ar, entre outras, podem aumentar de 8% a 11% a produtividade dos habitantes. Segundo o médico indiano Deepak Chopra, radicado nos EUA, professor e escritor de mais de 25 livros sobre espiritualidade e medicina corpo-mente, apenas 5% das doenças crônicas possuem origem genética, enquanto 95% são adquiridas no curso de nossa vida, pelo estresse, alimentação, ar que respiramos etc. Diante desse cenário, o GBC Brasil inicia um…